Hospedagem barata em Santiago: La Casa Roja Hostel

Demorou, mas vão começando a surgir os posts sobre a viagem que eu e meu namorado fizemos ao Chile. Resolvi falar sobre hospedagem como primeiro assunto, pois é uma das primeiras coisas que as pessoas me perguntam quando falo dessa experiência. Foi a primeira vez que fomos ao Chile e pesquisamos bastante antes de ir a  Santiago.

A nossa intenção era uma hospedagem somente para dormir, já que somos um casal aventureiro e gostamos de aproveitar o dia todo para fazer passeios e explorar lugares novos. Vocês também são assim?
Pensando nesse nosso jeitinho, após dias de pesquisa e indicação da minha amiga Keila, resolvemos reservar um quarto de casal no La Casa Roja Hostel pelo Booking.com. Afinal, era uma das opções mais em conta que encontramos e se encaixava no que estávamos procurando. Pagamos R$660,00 com ISS incluso para 5 dias de estadia.

Sobre a reserva e recepção

Chegamos no La Casa Roja Hostel (Rua Agustinas 2113, Barrio Brasil, Santiago) no dia 12 de setembro de 2017, por volta das 16h. Havíamos feito a reserva pelo Booking.com e quando chegamos lá estava tudo certinho, mas havíamos levado um cartão de débito internacional para pagamento que não funcionava de jeito nenhum! Uma das recepcionistas, bem atenciosa, não ligou muito para o fato de não conseguirmos fazer o pagamento na hora da chegada e já foi nos apresentando a casa e o nosso quarto. Ela disse para ficarmos tranquilos que poderíamos deixar nossas malas no quarto e depois resolver o pagamento – só aí já ganhou um pontinho, rs. 

Sobre o quarto

O quarto que nos hospedamos era de casal com banheiro compartilhado. Eles também possuem suítes com banheiro privativo, mas essa opção não estava ativa no Booking e os banheiros compartilhados também são super limpos. Fomos levados ao quarto 11, que tinha uma cama grande, uma poltrona, uma estante com espelho grande e duas mesinhas de cabeceira. O suficiente para nós!
O único ponto negativo do quarto era que a chave não trancava a porta e mesmo depois de falarmos com a atendente sobre isso, nada foi feito. Passamos todos os dias de hospedagem sem trancar o quarto, mas nada de inesperado aconteceu. Não reparem a nossa baguncinha nas fotos, mas não deu tempo de tirar fotos com o quarto arrumado, rs.

Sobre os ambientes do hostel

Pequenos jardins, refeitório, bar, mesa de bilhar, piscina e wi-fi! Sim, tem tudo isso no La Casa Roja Hostel 😉
Os ambientes em comum são aconchegantes e quentinhos nos dias de frios. Dá pra sentar nos sofás e acessar usar o wi-fi ou ficar jogando conversa fora com outros hóspedes se quiser fazer amizades.

O bar e a mesa de bilhar ficam disponíveis praticamente o dia todo, mas é à noite que o pessoal mais pede bebidas e se diverte por lá.

O refeitório parece uma capelinha e eu achei muito charmoso <3 À partir das 8h da manhã, a Maria serve o café-da-manhã. É só ir até a cozinha e dar o seu nome que ela prepara tudo bem caprichado. 

Uma das partes que mais me encantou no hostel, foi a piscina com bar. Uma pena não ter usufruído dela, pois os dias estavam bem frios e eu nem cogitei entrar nela. (Alô, Casa Roja? Já podem colocar um sistema de aquecimento na piscina, tá? hahaha). Brincadeiras a parte, olha como o ambiente é lindo!

Ah! Os hóspedes do hostel têm desconto de 20% na pizzaria que fica bem ao lado. Optamos por jantar lá em uma das noites e foi simplesmente maravilhoso! 

No geral, achei que foi um dinheiro bem investido. Apesar da Casa Roja ser simples e de construção antiga, nos sentimos em casa já no segundo dia. Sem contar que eles me emprestaram secador de cabelo sempre que precisei, pois o meu não funcionava lá. O pessoal que trabalha no hostel é jovem e sempre solícito.

Para saber mais sobre o La Casa Roja Hostel:
Site oficial – http://lacasaroja.cl/wp/
Booking- https://booki.ng/2yErFwV
Instagram – https://www.instagram.com/lacasarojahostel/

Beijos.

Facebook Comments

Você também deve gostar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *